Apostas Online » Betting Strategies » Trading Esportivo: o que é, como funciona e quais as principais técnicas utilizadas?

Trading Esportivo: o que é, como funciona e quais as principais técnicas utilizadas?

Já pensou se a vitória do time que você considera favorito fosse uma ação na bolsa de valores? É justamente isso que ocorre no trading esportivo!

Betano
97/100
Betano Brasil é confiável?
100% até R$300
Apostar Agora
Betsson
95/100
Betsson Brasil é confiável?
100% até R$240
Apostar Agora
Wazamba
95/100
Wazamba Brasil é confiável?
100% até R$650
Apostar Agora

Dentro das bolsas esportivas, você tem a capacidade de fazer negociações baseadas na probabilidade dos eventos esportivos ocorrerem. Se o evento ficar mais provável, ele se valoriza e você vende com lucro, como ocorre na bolsa tradicional.

Portanto, ser trader esportivo é uma grande oportunidade para lucrar com uma das maiores paixões do brasileiro: o esporte, principalmente o futebol!

Nos próximos tópicos, você vai entender como funciona esse mercado, as diferenças entre trading esportivo e aposta e tudo o que você precisa para ser um bom trader esportivo. Confira!

O que é Trading Esportivo?

O trading esportivo consiste em fazer operações financeiras dentro de um evento esportivo. Como as probabilidades de cada resultado ocorrer mudam conforme o desenvolvimento do jogo, o trader tenta aproveitar essa variação para lucrar.

Quem opera dentro desse mercado é o trader esportivo, que estuda o esporte e cria estratégias para aproveitar a movimentação das odds.

A essência do trading esportivo é a mesma das apostas convencionais: fazer uma análise daquela partida e apostar em um evento que você considera provável.

Porém, você não precisa esperar que aquele evento termine para ficar com os lucros. Se a probabilidade da sua entrada aumentar, você pode fechar a posição com ganhos (ou, no vocabulário dos apostadores, “green”).

Se ainda não ficou claro o que é trading esportivo, no próximo tópico nós explicamos melhor o funcionamento dessa atividade!

Como funciona o trading esportivo?

Se você tem dúvidas sobre como funciona o trading esportivo, a melhor comparação é com a bolsa de valores. Cada evento dentro do jogo seria uma ação, que pode ganhar ou perder valor dependendo da história do jogo.

Se um time que tem cotação @2.06 para vencer faz o primeiro gol, esse número vai cair consideravelmente, porque a sua probabilidade de vitória aumenta bastante.

Logo, se o trader fez a entrada naquele momento inicial, ele consegue “vender” a posição para outro trader com lucro, porque aquele ativo se valorizou.

Um outro ponto importante é que o trader esportivo tem dois tipos de entrada, o que não ocorre nas apostas esportivas: o back (apostar a favor) e o lay (apostar contra). Mais à frente você vai entender melhor essa diferença!

Portanto, o objetivo principal do trader esportivo é o mesmo dos profissionais que trabalham na bolsa: fazer operações rentáveis. A diferença é que uma partida dura poucas horas.

Por fim, o trading esportivo não pode ser realizado nas casas de apostas tradicionais, como bet365 e Betano. Você deve procurar uma bolsa esportiva (exchange) para fazer as operações — a Betfair é a mais renomada.

Qual a diferença entre Bolsa Esportiva e Casa de Apostas?

A principal diferença entre uma Bolsa de Apostas e uma Casa de Apostas é que, no primeiro tipo, você aposta diretamente contra outros jogadores, enquanto no segundo caso você aposta contra a casa.

Nesse sentido, sempre que o trader abre uma posição dentro do mercado, ele precisa que outro trader esportivo que faça a entrada exatamente oposta.

Assim, ele é capaz de escolher as odds que quiser para aquele evento e esperar que alguém vá contra ele, o que não ocorre nas apostas esportivas.

Ao mesmo tempo, o trading esportivo permite que o jogador não fique preso ao resultado do jogo, porque ele pode lucrar com a variação das cotações.

Se você faz uma entrada na vitória do time e ele faz o primeiro gol, é possível encerrar a posição com um ótimo lucro. Mesmo que o outro time empate ou até vire o jogo, seus ganhos estão garantidos.

Nas apostas esportivas, o apostador escolhe um resultado fixo dentro dos eventos esportivos. Se acertar, ele ganha. Se o resultado for diferente, ele perde toda a aposta.

É verdade que existem mecanismos para tentar diminuir perdas ou garantir lucros, como o cash out, mas eles não são tão eficientes como no trading esportivo.

Por fim, como o trader esportivo disputa contra outras pessoas e não contra o site, as odds costumam ser mais vantajosas, porque não existe a margem de lucro fixa da casa.

A Betfair exchange é a bolsa de apostas mais recomendada para o trader esportivo, porque é confiável e tem os melhores recursos para os jogadores.

Quais são as principais técnicas/metodologias/estratégias utilizadas no Trading Esportivo?

Como acontece na bolsa de valores, o trader esportivo também desenvolve técnicas para alcançar melhores resultados.

Imagine que, em um dia, milhares de jogos são disputados, com outras centenas de mercados abertos para cada. É praticamente impossível acompanhar todas as opções e ser especialista em tudo.

Logo, as estratégias de aposta no futebol permitem que você esteja em melhor posição para realizar as operações no trading esportivo com maior confiança e, naturalmente, conseguir maiores greens.

Veja as principais técnicas utilizadas pelo trader esportivo no mercado! Mais à frente, você vai conhecer melhor algumas delas.

  • Back ao Favorito: apostar no time que era considerado favorito no pré-jogo e que confirma essa superioridade após o pontapé inicial. Se ele marcar o primeiro gol, a valorização daquela entrada é alta.
  • Lay the Draw: em jogos com dois times ofensivos ou que têm defesas fracas, o LTD é uma estratégia interessante porque traz lucros com um gol de qualquer lado.
  • Over 0.5: técnica básica, idêntica às apostas esportivas, onde você tenta lucrar com um gol na partida.

O que significa Back e Lay em apostas?

O conceito de back e lay é fundamental no trading esportivo, porque ele traz uma grande diferença para as apostas tradicionais.

Apostar no back é a mesma coisa que “apostar a favor”, ou seja, você tem a confiança de que aquele evento vai correr. No resultado final, o back ao Time A significa dizer que aquele time vai ganhar o jogo.

  • Back: apostar a favor daquele evento específico.

Por outro lado, o lay significa apostar contra, ou seja, apostar que aquele evento não vai ocorrer. No resultado final, o Lay ao Time A significa que ele não vai terminar à frente no placar — o jogo pode terminar empatado ou com vitória para o outro time.

  • Lay: apostar contra aquele evento específico.

A aplicação desses conceitos dentro do trading esportivo é relativamente simples. Em uma partida entre Liverpool e Manchester United, por exemplo, existem três resultados possíveis: vitória do Liverpool, vitória do Manchester ou empate.

Nas apostas esportivas, você teria essas três opções de aposta. Porém, no trading é diferente porque, para cada opção, existe a possibilidade de apostar em back (favor) ou lay (contra).

Se você apostar no back ao Liverpool e os Reds marcarem o gol, a sua posição vai valorizar, porque as probabilidades de vitória aumentam e você pode encerrar a operação com lucro. Basta adotar essa lógica para todos os eventos possíveis!

O que é Stake no trading esportivo?

A Stake é o pedaço da banca que o trader esportivo utiliza para fazer as apostas. Ou seja, é o valor que ele separa para operar no mercado.

A definição da Stake depende de vários fatores, mas o principal é o tamanho do risco que cada trader está disposto a assumir. O mais recomendado é que a Stake fique abaixo de 5% da sua banca. Muitos profissionais utilizam 1% ou 2%.

Portanto, se você utiliza 2%, uma banca fictícia de R$1.000 teria uma Stake de R$20 para cada entrada.

Porém, isso não quer dizer que você vai sempre realizar entradas fixas de R$20. Na verdade, esse é o valor máximo que você está disposto a perder em uma aposta.

Dentro da Stake, você deve avaliar o grau de confiança naquela entrada, que deve seguir uma escala de 1 (menor confiança) a 10 (maior confiança).

Assim, o correto é dividir a sua Stake em 10 unidades. No nosso exemplo, cada unidade valeria R$2. Se a confiança for 7, aquela entrada será de R$14 (7 x R$2), que representa 70% da Stake.

O 10 significa ter 100% de certeza no resultado, o que é um erro em qualquer tipo de aposta.

Over 0.5

O mercado de Over 0.5 é ideal para aqueles que estão começando no trading esportivo, porque ele é igual às apostas tradicionais. Se ocorrer um gol em qualquer momento da partida, o green é confirmado.

Essa é uma forma interessante para entender como você pode ter lucros com a movimentação das odds no mercado.

Apesar disso, é muito difícil aproveitar uma variação positiva das odds no Over 0.5. A lógica natural do mercado é que, quanto mais tempo passa, menor a probabilidade de ocorrer um gol, mesmo que um time esteja pressionando.

Portanto, a melhor estratégia para operar nesse mercado é fazer entradas nas partidas que tiverem com muitas chances de gol. Caso o jogo fique morno, a dica é fechar a posição com um pequeno prejuízo para não correr o risco de perder toda a Stake se o placar terminar 0 a 0.

Contra o empate (Lay the Draw)

O Lay the Draw consiste em apostar contra o empate, ou seja, apostar que uma das equipes vencerá aquela partida.

O contexto central dessa estratégia é a mesma do Over 0.5, porque o mercado também se movimenta de forma contrária e as odds do empate tendem a diminuir com o passar do jogo.

Nesse sentido, o Lay the Draw deve ser usado em jogos de times que têm um estilo agressivo de jogo, com muitas jogadas de ataque desde os primeiros minutos.

O objetivo central é pegar o primeiro gol (pode ser de qualquer time) e fechar a entrada com lucro, porque o empate deixa de ser o resultado mais provável.

Além disso, o LTD tem potencial de lucro maior do que o Over 0.5, que costuma ter odds muito baixas.

Apostas Múltiplas

Ao contrário do apostador, o trader esportivo não realiza apostas múltiplas, porque as entradas no mercado são realizadas de forma individual contra outras pessoas.

Além disso, o objetivo do trading esportivo não é, necessariamente, acertar os resultados das partidas, mas lucrar com a variação das odds.

Portanto, as múltiplas ou acumuladas devem ser utilizadas somente nas apostas convencionais e ignoradas no trading esportivo.

Scalping

O Scalping é uma estratégia que foi “importada” das bolsas de valores e consiste em fazer entradas e saídas rápidas no mercado para aproveitar a oscilação das odds. O objetivo é lucrar com baixo risco.

Assim, em uma partida de futebol, o trader que aplica o Scalping faz várias entradas curtas, que duram poucos segundos, quando as odds estão se movimentando para determinada direção.

Os mercados ideais para Scalping são aqueles em que você está a favor do tempo, como o back ao time que está ganhando.

Veja esse exemplo: em um jogo entre Barcelona x Alavés, o Barça marca seu primeiro gol aos 70’ e a odd da vitória vai para 1.12. Mesmo com o placar positivo, o time segue pressionando o adversário.

Esse pode ser um momento ideal para fazer um Scalping trading esportivo, porque você pode aproveitar a oscilação negativa da odd do Barcelona (1.11, 1.10) nos próximos segundos e fechar a posição com lucro.

A recomendação é que o tempo de exposição seja muito pequeno, porque qualquer evento adverso pode significar a perda de grande parte da Stake. Logo, é uma estratégia que exige concentração e agilidade para fazer entradas rápidas.

Swing

O Swing no trading esportivo é uma técnica parecida, mas que não deve ser confundida com o Scalping. Na teoria, a lógica é a mesma: aproveitar a oscilação positiva dos preços (odds) para lucrar.

Porém, o Swing visa pegar variações maiores das odds, o que traz a possibilidade de lucros mais polpudos, mas também aumenta consideravelmente os riscos da operação. Ao mesmo tempo, o número de entradas é bem menor.

No mercado financeiro, o Scalping seria o equivalente ao Day Trade, enquanto o Swing tem o mesmo nome (Swing Trade), apesar de as duas operações serem realizadas durante os 90 minutos da partida.

Um mercado comum de Swing é o under de gols. Quando um jogo está 0 a 0 e as equipes não demonstram criatividade para mexer no placar, você pode apostar no Under 1.5, por exemplo, e encerrar a posição mais para o fim da partida.

Arbitragem

A arbitragem é uma técnica utilizada pelos traders esportivos para buscar diferenças nas odds entre os sites e lucrar com qualquer resultado.

Conhecida como surebet, esse tipo de aposta pode parecer estranha em um primeiro momento, mas é uma estratégia interessante para lucrar no trading. O problema é a dificuldade para encontrar uma aposta segura, porque as casas de apostas tentam evitá-la.

A arbitragem trading esportivo ocorre porque os sites têm seu próprio método para calcular as cotações. Em geral, elas são parecidas, mas existem eventos em que a diferença pode render uma aposta segura.

Para aplicar a técnica, você deve escolher dois ou três sites e pegar as cotações do resultado da partida. Divida cada uma por 100 e some o resultado. Se ele ficar abaixo de 100, essa é uma aposta segura.

Atualmente, você encontra sites com calculadoras que facilitam a sua identificação ou até mesmo indicam a existência de uma surebet no mercado.

O mercado de apostas no Brasil é conhecido pela falta de regulamentação. A lei que proibiu os jogos de azar no país, por exemplo, vem da década de 1950. Ou seja, os jogos online não estavam nem perto de serem inventados.

A Betfair, que é a maior bolsa esportiva do mundo, é uma empresa estrangeira com sede na Inglaterra. Ela tem licença internacional para operar e segue as leis do seu país de origem.

Ao mesmo tempo, não existe nenhuma legislação no país que proíba os jogos em sites que estão hospedados em outros países.

Nesse sentido, as apostas esportivas são legais no Brasil, o que inclui o trader esportivo.

O que é preciso para ser um bom trader esportivo?

O mercado de trading esportivo atrai muitos interessados pela possibilidade de ganhar dinheiro assistindo a jogos de futebol. Porém, igual a qualquer outra profissão ou hobby, não é fácil alcançar bons resultados.

Antes de investir seu dinheiro, é fundamental conhecer as características necessárias e os requisitos sobre como ser um trader esportivo de sucesso.

Por isso, se você quer saber como ganhar dinheiro com trading esportivo, é importante estudar os seus conceitos e desenvolver certas qualidades, como:

  • autocontrole e outras habilidades emocionais para aceitar as perdas e não tomar riscos desnecessários;
  • bons conhecimentos sobre o esporte e as equipes que estão em campo, o que facilita a leitura de jogo e identificação das oportunidades;
  • criar estratégias para entender como ganhar dinheiro com apostas e seguir à risca a gestão da sua banca;
  • estudo sobre estatística e análise de dados esportivos.

Ao adquirir, pelo menos, uma parte dessas habilidades, você será capaz de alcançar melhores resultados como trader esportivo e, consequentemente, ganhar bons lucros na atividade.

Trading Esportivo é a união da estratégia, do conhecimento técnico e do controle mental

Ao contrário dos jogos de azar, o trader esportivo precisa desenvolver certas qualidades para ter sucesso no mercado. Logo, a sorte não é o único fator envolvido — na verdade, ela tem um peso reduzido nos resultados.

Algumas características importantes são: controle emocional, gestão correta da banca, criação de estratégias para se especializar em certos mercados, preparação para os jogos e conhecimento detalhado sobre o esporte.

Ao reunir essas qualidades, você está mais próximo de alcançar seus objetivos e vai ver o quanto ganha um trader esportivo.

A equipe do Wetten.com Brasil produz conteúdos voltados para auxiliar na sua caminhada dentro do trading esportivo. Para aprender mais sobre o tema, você pode acessar os nossos guias e conhecer os melhores sites de apostas.

Perguntas Frequentes:

Trading esportivo é crime no Brasil?

Não existe nenhuma lei no país que tipifique o trading esportivo como crime no Brasil. A proibição dos jogos de azar não cita essa atividade.

Plataformas como a Betfair têm licença internacional e estão sediadas em outros países, então seguem as regras locais. Logo, não há restrições para o trader esportivo brasileiro.

O que significa stake no trading esportivo?

A Stake é o valor máximo que você define para fazer as entradas no trading. Em geral, é um percentual pequeno da banca.

O ideal é dividir a Stake em 10 unidades e apostar conforme o seu grau de confiança naquela entrada, em uma escala que vai de 1 a 10.

Somente no último nível de confiança que você aposta a stake completa.

O que é back e lay?

Back e lay são dois conceitos importantes para o trader esportivo.

Em resumo, o back significa apostar a favor do time, enquanto o lay significa apostar contra aquele time dentro do mercado esportivo.

Por exemplo, o back no Barcelona é apostar na sua vitória. Já o lay no Barcelona indica apostar na sua derrota ou no empate.

O que é scalping?

Scalping é uma estratégia utilizada pelos traders esportivos para lucrar com a oscilação dos preços (odds) no mercado, mas sem tomar grandes riscos.

Nesse caso, você deve aproveitar a tendência de movimentação do mercado para fazer a entrada e sair assim que ele se mexer. O Scalping pode durar até poucos segundos.

5. Qual a melhor bolsa de apostas para o trader esportivo?

A Betfair é a bolsa esportiva mais conhecida do mundo. Apesar de não ser a única empresa que atua no mercado, ela é a mais confiável e segura.

Além disso, como é a queridinha do trading esportivo, ela também tem um volume de dinheiro maior no mercado, o que facilita a correspondência das entradas.

Casa de Apostas do Mês
Melhores Casas de Apostas
Melhores Bônus de Apostas
Melhores Cassinos Online
Melhores Bônus de Cassino
Para Cima
×
Seu Código de Bônus:
A oferta de bônus foi aberta em uma outra janela. Pode também clicar no seguinte link:
Ir para a Casa