Final do Brasileirão feminino surpreende e registra quase 100% de aumento em interessados nas apostas

O futebol brasileiro feminino parece estar ganhando cada vez mais espaço e visibilidade pelo torcedor. Prova disso foi o grande interesse na final do Brasileirão, no dia 26 de setembro, que bateu recordes de audiência jamais vistos. A partida entre Corinthians e Palmeiras pela final do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino trouxe bons frutos para os fãs do esporte, dentro e fora de campo.

final brasileirao feminino

O Timão conquistou o tricampeonato após vencer o rival em duas (2) oportunidades. Na primeira partida, as alvinegras conquistaram uma vantagem ao vencerem pelo placar de 1 a 0. Atuando em casa e repetindo o feito do primeiro jogo, as corintianas ganharam das palmeirenses no confronto final por 3 a 1, com gols de Agustina (contra), Adriana e Vic Albuquerque. Camilinha fez o gol de honra para o Verdão.

A partida foi transmitida na TV aberta, pela Band; na TV fechada, pelo SporTV; e por streaming, pelo app do Tik Tok. A Band assegurou pico de seis (6) pontos de audiência, ficando na frente, por exemplo, do SBT, seu concorrente no horário. O SporTV ficou em segundo lugar geral no ranking de audiência entre todos os canais por assinatura. O Tik Tok alcançou mais de 355 mil espectadores em seu app para smartphones.

Casa de Apostas comemora evolução do futebol feminino

A Casa de Apostas, patrocinadora do torneio na transmissão em TV aberta, comemorou os números expressivos, principalmente em relação à ultima temporada. De acordo com Hans Schleier, diretor de marketing da empresa, o clássico Corinthians e Palmeiras registrou quase 100% de aumento dos interessados em apostar na partida, em comparação à decisão do ano passado.

“Quanto mais estrutura, divulgação, mais interesse das pessoas. O mercado de apostas aqueceu com a rivalidade do Derby e do jogo em si, que foi amplamente divulgado, envolvendo diversas jogadoras de Seleção Brasileira”, disse Schleier.

Ele também comentou sobre a importância de apoiar o futebol feminino neste momento, já que a modalidade “não é mais uma promessa, é uma realidade”. Schleier enfatizou que a melhora nos investimentos dos clubes e competições bem planejadas tem sido fundamentais. “Temos que acompanhar o mercado, incentivar. É de suma importância estar envolvido neste processo”, concluiu.

O Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino

O Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino é considerado o principal torneio profissional do país. Sua primeira edição aconteceu em 2013, quando as atletas do Centro Olímpico, de São Paulo, se sagraram as grandes campeãs. O campeão da competição, além do título, conquista ainda o direito de disputar a Copa Libertadores da América — principal torneio do continente — no ano seguinte.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) é a responsável pela organização do Brasileirão Feminino. O Corinthians é o maior campeão do torneio, com três (3) conquistas – 2018, 2020 e 2021. A Ferroviária, de Araraquara, é a segunda equipe com o maior número de conquistas, com dois (2) títulos – 2014 e 2019.

Melhores Casas de Apostas
Melhores Bônus de Apostas
Para Cima
Fechar
×
Seu Código de Bônus:
A oferta de bônus foi aberta em uma outra janela. Pode também clicar no seguinte link:
Ir para a Casa